FORÇA SINDICAL ASSINA SUPERPEDIDO DE IMPEACHMENT

O presidente da Força Sindical, Miguel Torres, estará presente durante a entrega do superpedido de impeachment que acontecerá hoje (30 de junho), às 14 horas, no Congresso Nacional.

A intenção do ato, que tem uma simbologia muito forte, é unificar em um só documento os argumentos dos mais de 120 pedidos de impeachment já apresentados na Câmara dos Deputados, apontando 23 tipos de acusações. Entre elas: crime contra o livre exercício dos poderes, tentativa de dissolver ou impedir o funcionamento do Congresso, crime contra o livre exercício dos direitos políticos, individuais e sociais, violar direitos sociais assegurados na Constituição, opor-se ao livre exercício do poder judiciário, crime contra a segurança interna no país e descaso com a pandemia de coronavírus.

O presidente da Força ressalta a importância do ato neste momento de descaso do governo federal com a pandemia, de aumento do desemprego e economia pífia. “ Faremos um ato conjunto com partidos progressistas, organizações sindicais e sociais e lideranças políticas visando sensibilizar os parlamentares e a sociedade sobre as atitudes antidemocráticas do governo federal”, ressalta o líder sindical.

Segundo ele, o documento é um pedido das ruas e fábricas e foi construído e fortalecido nas manifestações de 29 de maio, 18 e 19 de junho.

O documento é assinado por mais de 700 entidades, representando todos os segmentos da sociedade brasileira.